Quase Nada Sobre Quase Tudo

sexta-feira, julho 14, 2006

Acabei de ler ¨O Jardim de Cimento¨, o primeiro romance de Ian McEwan. Eu achei chocante e mórbido mas irresistível.
A narrativa é contada na primeira pessoa pelo seu protagonista, Jack, um rapaz de 15 anos que vive com duas irmãs adolescentes e um irmão pequeno. Com a morte dos pais, os quatro jovens experimentam uma sensação extraordinária de perda e liberdade. Num clima de isolamento quase doentio, tornam-se personagens de um universo estranho e entregam-se despreocupadamente a jogos solitários, ao desmazelo, à apatia e às fantasias mais arrebatadoras, o vulgar ganha um brilho de mistério e o extraordinário parece uma banalidade.Tudo contado com realismo. Perturbador...

1 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

 


eXTReMe Tracker