Quase Nada Sobre Quase Tudo

sexta-feira, setembro 01, 2006

“Eu procurava um lugar sossegado para morrer. Um dia alguém me recomendou o Brooklyn.”

Li ¨Brooklyn Follies¨ (¨Desvarios no Brooklyn¨, em português) do Paul Auster. O narrador, Nathan Glass, é um corretor de seguros aposentado, divorciado e doente, procura um lugar sossegado para descansar de uma vida “triste e absurda” que ele vai nos contando aos poucos ao mesmo tempo que decide escrever sobre as pessoas que reencontra ou conhece no Livro da Insensatez Humana.

O livro narra as vidas de pessoas simples que, despercebidas, deixam passar suas vidas. Gostei muito do começo mas o livro é cheio de momentos fraquinhos. Acho que ia dar um filme bacaninha como "Sem Fôlego" e "Cortina de Fumaça", mas confesso que eu esperava muito mais desse livro.

3 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

 


eXTReMe Tracker