Quase Nada Sobre Quase Tudo

domingo, outubro 22, 2006

'Ah, está começando, está vindo – o horror – fisicamente, como uma onda dolorosa, inchando sobre o coração – atirando-me para cima. Estou infeliz, infeliz!'
[VIRGINIA WOOLF, escritora inglesa (1882–1941)]

Durante as últimas semanas li o calhamaço de 700 páginas ¨O Demônio do Meio-dia – Uma Anatomia da Depressão¨, de Andrew Solomon. Poucos livros que li foram tão úteis na hora certa. Melhor ainda, comprei por uns 5 reais numa oferta de um supermercado sanjuanino!O livro foi vencedor do Prêmio Nacional do Livro de 2001 dos Estados Unidos e finalista do Prêmio Pulitzer 2002.

Quem me conhece sabe que eu detesto livros de auto-ajuda, mas não é o caso desse livro. O livro mistura o relato pessoal (o autor foi ao inferno e voltou três vezes) e pesquisa, acaba sendo como um mapa da depressão: Solomon disseca a depressão do ponto de vista histórico, social, psíquico e biológico. Traz depoimentos de especialistas de renomados institutos e hospitais dos Estados Unidos e da Inglaterra na área da psiquiatria, da farmacologia, da neurologia, da biologia. Mas tem sensibilidade e talento suficientes para alternar informações técnicas e poesia, amor e ódio, desespero e esperança, muitas vezes inspirado em clássicos da literatura e da filosofia. Assim, ele conduz o leitor pela mão na longa viagem pelos descaminhos da mente. Mescla suas descidas aos porões com as de pessoas que, como ele, se esfalfaram para voltar à luz. Analisa as medicações e os coquetéis farmacêuticos de hoje, e investiga medidas extremas, inclusive eletrochoque e cirurgia cerebral. Constata que pouco importa ser rico ou pobre, ocidental ou oriental, deste século ou de qualquer outro. A depressão faz parte da história do homem.

Mundialmente, a doença vem alcançando índices alarmantes de morte,inclusive nos países em desenvolvimento, perdendo em números apenas para as doenças cardíacas. A depressão ceifa mais vidas do que a guerra, o câncer e a AIDS juntos. Mas, se levarmos em consideração que outras doenças — do alcoolismo aos males do coração — mascaram a depressão quando esta é a causa, podemos concluir que ela pode ser a maior assassina existente na face da terra.

Envolvente, perspicaz, construtivo, vale a pena a leitura...

2 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

 


eXTReMe Tracker