Quase Nada Sobre Quase Tudo

quinta-feira, março 08, 2007

Descobri por acaso ¨La Conquista de la Felicidad¨ do filósofo e Prêmio Nobel Bertrand Russell onde ele debate sobre as causas da felicidade e infelicidade.
O livro me chamou a atenção numa livraria aqui de San Juan e comecei a folhear pensando que era de ¨algum outro Bertrand Russell¨, mas não!
Já quando folheava o livro achei várias pérolas (¨Creo que esta infelicidad se debe en gran medida a conceptos del mundo erróneos, a éticas erróneas, a hábitos de vida erróneos, que conducen a la destrucción de ese entusiasmo natural, ese apetito de cosas posibles del que depende toda felicidad, tanto la de las personas como la de los animales. Se trata de cuestiones que están dentro de las posibilidades del individuo, y me propongo sugerir ciertos cambios, mediante los cuales, con un grado normal de buena suerte, se puede alcanzar esta felicidad¨) e acabei levando o livro pra casa.
Russell diz, entre outras coisas, que serão felizes aqueles que consigam entusiasmar-se com as coisas que a vida oferece e aproveitar, não de forma egoísta, mas com verdadeiro interesse, a companhia das pessoas que cruzam pelo seu caminho. Para poder considerar as pessoas com verdadero afeto e carinho, é imprescindível eliminar primeiro a inveja e o ¨victimismo¨(ou seja se fazer de vítima); para deleitar-se com as cosas da vida, é necessário não esperar que as distrações contra o aborrecimento caiam do céu, e descobrir através da experimentação os interesses que podem proporcionar-nos satisfação.
Depois li que Russel passou toda a adolescência pensando em como se suicidar e ele mesmo disse que foi salvo pelo seu amor à matemática. Betrand Russell morreu aos 98 anos. Alguma coisa sobre felicidade ele deve saber...não? De todas formas gostei muito do livro. Recomendo!

2 Comments:

  • At quinta-feira, março 08, 2007, Anonymous suzana said…

    Puxa eu tb gostei da tua resenha Pensamentos sábios do autor.Porem
    fiquei arrasada que ele evitou se matar atraves do gosto pela mate-
    mática,eu justamente quase me matei
    por esta desgraça a matemática.
    Esta vida é divertida ,que bom poder ascolher.

     
  • At quinta-feira, março 08, 2007, Anonymous suzana said…

    Tá vendo San Juan dando um banho de cultura

     

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

 


eXTReMe Tracker